Jun 21, 2022

A Saúde Mental e o Farmácia Popular

Uma análise realizada pelo Instituto de Estudos de Saúde Suplementar (IESS) indicou um aumento na procura por psicólogos, psiquiatras e terapeutas ocupacionais no Brasil. O crescimento chega até 44,5% a mais de consultas com psiquiatras nos últimos cinco anos.

Esse aumento mostra o agravamento do quadro de saúde mental dos brasileiros nos últimos anos. Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) relatam que 5,8% dos brasileiros sofrem de depressão e 9,3% sofrem de ansiedade, o que torna o Brasil o País com o maior número de pessoas ansiosas no mundo.

O crescimento com a preocupação com a saúde mental também é refletido no Programa Farmácia Popular. Já tramita em caráter conclusivo o Projeto de Lei 13/15, do deputado Lucas Vergilio (SD-GO), que pretende incluir, no programa Farmácia Popular, dentre outros, medicamentos para o tratamento da ansiedade e depressão.

A inclusão desses medicamentos mostra a preocupação do Programa em contemplar as questões atuais da saúde dos brasileiros, ajudando a dissolver o preconceito quanto ao tratamento das doenças mentais. Desde sua criação, o Programa já atendeu mais de 50 milhões de pessoas.

Recomendações de leitura